segunda-feira, 21 de agosto de 2017

Semana Nacional da Pessoa com Deficiência Intelectual e Múltipla vai até dia 28 de agosto em Queimados

Prefeitura promove diversas atividades relacionadas à inclusão escolar. Estudantes terão plano individual de educação
Alunos da sala de recursos fazem apresentação teatral 
Dine Estela: Peças teatrais, apresentações musicais e palestras com especialistas marcaram o início das comemorações pela Semana Nacional da Pessoa com Deficiência Intelectual e Múltipla, nesta segunda-feira (21), no Teatro Metodista, em Queimados. O evento realizado pelo departamento de Educação Especial da Secretaria Municipal de Educação será concluído no dia 28 com realização de palestra na Escola Municipal Leopoldo Machado.
Palestrante Leila Lopes
Temas como: o direito da pessoa com deficiência, ministrada pelo advogado Caio Silva, Prática de aprendizagem integradoras em sala de aula com a professora Tatiana Carnaval e Escolarização pela pedagoga Leila Lopes,  foram amplamente debatidos no primeiro dia do evento. No dia 28 de agosto, haverá uma palestra sobre o compartilhamento de vivências e práticas na Deficiência Visual com a professora Verônica Ramiro, direcionado aos profissionais do NAE - Núcleo de Atenção ao Estudante, no auditório da Escola Municipal Leopoldo Machado ministrado(Av. Vereador Marinho Hemetério de Oliveira, s/nº, Centro), das 8h às 16h. Durante essa toda a semana as escolas estarão desenvolvendo atividades pedagógicas com foco neste tema.

Entre o público presente no primeiro dia de evento, estiveram professores, cuidadores, pais e alunos das salas de recursos que deixaram o seu depoimento público sobre como as novas práticas educacionais melhoraram suas vidas. “A Minha entrada na sala de recursos me ajudou a gostar mais de história e com isso hoje já produzo as minhas próprias histórias”, disse E. 17.

O adolescente N. de 16 anos, também relatou a grande melhora em sua vida escolar depois de passar pelas salas de recursos. “Minha vida ficou muito mais fácil depois que comecei a frequentar a sala de recursos. Estou no último ano do ensino médio e vou sentir muita falta desta escola”, disse. Ambos estudam na Escola Municipal Nelson Carneiro.

Para Vanessa de Almeida, mãe de um menino de 10 anos com autismo, a luta por uma educação inclusiva só foi possível depois que matriculou seu filho na Escola Municipal Carlos Pereira Neto. A mãe conta que passou por algumas instituições privadas mas não obteve o mesmo sucesso. “Estou muito feliz com os avanços alcançados pelo meu filho porque nossa luta tem sido muito grande. Essa escola recebeu meu filho de braços abertos e eu me sinto segura em deixá-lo por quatro horas lá com pessoas comprometidas com uma educação inclusiva”, relatou.
Segundo o secretário de Educação, professor Lenine Lemos, a cidade está se capacitando para melhorar o PEI - Plano Educacional Individual dos alunos. “Essa é uma prática internacional de Educação em que cada escola tem um mapa completo de cada aluno especial, com suas devidas capacidades e dificuldades intelectuais e que estamos trabalhando para implantar em nossa cidade, aliás, já estamos em fase de implantação e estamos contando com a colaboração de grandes profissionais como a a palestrante do dia 21, a pedagoga Leila Lopes que já tem a expertise no desenvolvimento destas práticas em algumas cidades do Brasil”, adiantou.

Serviço:
DIA 28 DE AGOSTO NA ESCOLA MUNICIPAL LEOPOLDO MACHADO -  DAS 8H ÀS 16H
08h – Compartilhando Vivências e Práticas na Deficiência Visual. - Professora Verônica Ramiro Lopes -
12h – INTERVALO
13h – RETORNO
16h – ENCERRAMENTO
LOCAL: Escola Municipal Professor Leopoldo Machado.
Público alvo: Professores de Salas de Recursos e Profissionais do NAE.

Queimados larga na frente para atualizar lei geral da micro e pequena empresa

Prefeito Carlos Vilela recebeu equipe técnica do Sebrae nesta segunda-feira para dar início ao procedimento que visa geração de emprego e melhor distribuição de renda
Leandro Machado - Uma equipe técnica do Sebrae (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas) compareceu na manhã desta segunda-feira (21) ao gabinete do prefeito Carlos Vilela para a entrega da minuta de atualização do Estatuto Nacional da Microempresa e da Empresa de Pequeno Porte. O objetivo é fomentar o desenvolvimento e a competitividade da micro e pequena empresa e do microempreendedor individual. O próximo passo é enviar a lei para a Procuradoria Geral do Município e posteriormente à Câmara de Vereadores para votação.

O município de Queimados será o primeiro da Baixada Fluminense a implantar a atualização da lei geral. Também participaram da reunião, o secretário municipal de Fazenda, Fábio Cristiano, e a chefe do Gabinete do Prefeito, Gilda Baltar. A nova regulamentação também visa à geração de emprego, distribuição de renda, inclusão social, redução da informalidade e o fortalecimento da economia.

Na reunião, o prefeito Carlos Vilela destacou a parceria do município com o SEBRAE e ressaltou a importância de incentivar o micro e pequeno empreendedor: “Sabemos da dificuldade que o Brasil vive quando o tema é emprego e quando incentivamos a abertura de micro e pequenas empresas, por exemplo, este impacto é sentido nas famílias e na distribuição de rendas”, disse.

De maneira geral a lei aborda diversos temas e destaca o tratamento diferenciado para as micro e pequenas empresas; facilidade no registro e legalização de empresas; fiscalização orientadora para pequenos negócios; estímulo ao crédito e à capitalização, incentivo ao microempreendedor individual (MEI), entre outros assuntos.

O coordenador do SEBRAE na Baixada Fluminense, Décio Luiz Ferreira, esteve na reunião e destacou a simplificação do processo de contas públicas como um dos principais pontos da nova regulamentação: “Queremos desburocratizar o sistema e permitir que as micro e pequenas empresas locais possam participar do processo de licitação dos municípios em igualdade”, destacou.  

Fotos: Thiago Loureiro

Concurso ambiental transformará escolas municipais de Queimados em pontos de coleta de óleo de cozinha

Prefeitura iniciará na sexta-feira competição que visa conscientizar crianças sobre a importância da reciclagem. Alunos serão premiados com bolsas de estudo de Inglês

Foto: Thiago Loureiro/Divulgação PMQ
Rafaela Diniz - Com o objetivo de conscientizar as crianças sobre a importância de reciclar o óleo de cozinha, a Prefeitura de Queimados, por meio da Secretaria Municipal do Ambiente e Proteção dos Animais (SEMADA), lançará na próxima sexta-feira (25), às 10h, na Escola Municipal Metodista, o concurso “Óleo Amigo”, que será promovido em todas as escolas da rede pública municipal. Até o dia 7 de dezembro, as turmas e os alunos que recolherem maior quantidade do material, serão premiados com passeios, bolsa integral de curso de Inglês, bicicletas e tablets. A iniciativa conta com o apoio da Secretaria Municipal de Educação e de parceiros da iniciativa privada.

Poderão participar do concurso os cerca de 15 mil alunos matriculados na rede municipal de ensino. A ideia é que os estudantes, da Educação infantil e do Ensino Fundamental, coletem óleo de cozinha usado em suas casas e na vizinhança, e a escola que coletar maior quantidade seja premiada. O aluno deverá entregar o óleo de cozinha usado armazenado em garrafa pet de dois litros devidamente fechada ao responsável pelo programa na unidade de ensino.

Foto: Thiago Loureiro/Divulgação PMQ
De acordo com o Secretário Municipal do Ambiente e Proteção dos Animais, Cacau Nogueira, a ação junto aos pequenos busca atingir a população em geral, uma vez que as crianças são replicadoras do conhecimento e, por meio do concurso, incentivarão a coleta do óleo nos bairros. “O objetivo é criar uma competitividade saudável entre essas crianças que são multiplicadoras de educação. A partir do momento que elas têm essa tarefa da coleta, elas aprendem e ensinam as pessoas sobre os prejuízos que o óleo de cozinha usado causa quando descartado irregularmente no meio ambiente”, destacou.

Os prêmios serão coletivos e também individuais. A turma que arrecadar o maior volume de óleo de cozinha usado ganhará um passeio para o Parque Lage, no Jardim Botânico com direito a lanche fornecido em parceria com uma famosa rede de restaurante fast food. Já o aluno que entregar o maior volume de óleo de cozinha usado ganhará uma bolsa integral de Inglês, uma bicicleta, um tablet e o passeio para o Jardim Botânico. O Segundo colocado ganhará bicicleta, tablet e o passeio e o terceiro com melhor desempenho será contemplado com tablet e passeio turístico. A premiação será realizada em 16 de dezembro.

O aluno deverá entregar o óleo de fritura usado armazenado em garrafa PET, de dois litros, devidamente fechada, ao responsável pelo programa na escola, que irá preencher a planilha de controle da entrega do óleo nas escolas e armazenar a garrafa PET no galão de 200 litros. Quando o galão estiver completo, o responsável solicitará retirada do material.  Devido às condições e números de alunos em cada escola, a avaliação para a definição da turma vencedora será feita de acordo com a divisão litro de óleo arrecadado por número de alunos.

Educadores também serão premiados

Foto: Thiago Loureiro/Divulgação PMQ
O concurso também premiará diretores, orientadores pedagógicos e professores da turma vencedora. Além dos profissionais serem contemplados com o passeio turístico junto com os estudantes, também vão ganhar um jantar com direito a acompanhante. As escolas também receberão kits de limpeza de acordo com a quantidade de óleo coletado.

Além das escolas, os moradores de Queimados que desejam dar destino correto ao óleo saturado, podem encaminhar o material para o ecoponto localizado na sede da Secretaria Municipal do Ambiente e Defesa dos Animais (Avenida Luigi Giobbi, nº 498 – Fanchem)

Outras informações sobre o concurso podem ser obtidas pelo telefone: (21) 2665-7739 ou pelo e-mail: semamambiente@gmail.com.

Torneio de sinuca possibilita interação entre os idosos de Queimados

Competição realizada no salão de jogos do Centro de Esporte e Lazer da Terceira Idade reuniu galera da “melhor idade” para se divertir e descontrair

Foto: Rafaela Diniz
Aline Lopes- Momentos de diversão, disputa e, claro, muita descontração. Esse foi o cenário do primeiro torneio de bilhar promovido pela Prefeitura de Queimados, na última sexta-feira (18), no Centro de Esporte e Lazer da Terceira Idade (CELTI). No fim, após boas jogadas e muita habilidade demonstrada, foi definido o grande vencedor da competição: o morador do bairro Vila Nascente, Gerley de Souza, de 60 anos. O evento teve por objetivo possibilitar maior interação entre os idosos que freqüentam o espaço.

O CELTI é um espaço reservado para os idosos praticarem atividades físicas e conhecem outras pessoas. O local conta com piscina aquecida, sala de musculação, salão de jogos, aulas de dança, artesanato, entre outras atividades. Ao todo, cerca de 1500 moradores estão cadastrados na unidade.

Foto: Rafaela Diniz
Para o Secretário Municipal de Assuntos Institucionais/ Terceira Idade, Carlos Albino, espaços como o CELTI são importantes para elevar a autoestima e melhorar a qualidade de vida dos idosos. “Eles precisam de um local para praticar atividades físicas com segurança, todas as nossas salas aqui ajudam eles de certa forma, o salão de jogos, por exemplo, auxilia na coordenação motora, no raciocínio, na concentração e é uma aliada contra a depressão”, concluiu.

Foto: Rafaela Diniz
O ganhador Gerley, que raramente joga uma partida de sinuca com os amigos, aprovou o torneio de bilhar. “Isso aqui é muito bom, vai muito além de uma competição, é diversão, lazer, poder fazer amigos, fora os benefícios que traz para a nossa vida”, declarou.

O Torneio de Bilhar foi um sucesso entre os idosos, que fizeram da competição um momento saudável para se divertir com os amigos. Os vencedores foram: 1° Gerley de Souza, 2° Ailton Alves e 3° Jorge Luiz.  Cada um foi premiado com troféus de acordo com a classificação.

sexta-feira, 18 de agosto de 2017

Queimados destaca Semana Nacional da Pessoa com Deficiência Intelectual e Múltipla em dois dias de eventos

Palestras, danças e teatro são algumas das atividades que serão realizadas com o objetivo de promover a conquista de novos espaços de inclusão
Uma das salas de recursos do município em que os alunos assistem a vídeos
Dine Estela: A Prefeitura de Queimados, por meio da Secretaria Municipal de Educação, organizou dois dias de atividades, nos dias 21 e 28 de agosto, para destacar a Semana da Pessoa com Deficiência Intelectual e Múltipla. No dia 21 de agosto, o evento irá acontecer das 8h às 16h no Teatro Metodista (Avenida Marinho Hemetério de Oliveira, S/Nº, Vila Pacaembu) e no dia 28 na Escola Municipal Leopoldo Machado (Av. Vereador Marinho Hemetério de Oliveira, s/nº, Centro), das 8h às 16h. As ações serão abertas ao público em geral e têm por objetivo promoção e abordar questões que vão desde a luta pela defesa de direitos das pessoas com deficiência até a conquista de novos espaços de inclusão.

As atividades começam, na segunda-feira, às 8h, com a apresentação de  músicas, danças, peça teatral, recitação de poesia e depoimentos dos resultados obtidos nos atendimentos realizados nas salas de recursos disponibilizadas pela prefeitura nas Escolas Municipais: Professor Leopoldo Machado, Metodista, Professor Gilvanei Pereira da Fonseca, Senador Nelson Carneiro, Luiz de Camões, Carlos Pereira Neto,. Pastor Arsênio Gonçalves e Professor Alberto Pirro;

Em seguida, será ministrada palestra sobre a “Escolarização da Pessoa com Deficiência Intelectual”, com a pedagoga Leila Lopes de Ávila, mestre em educação  da UFRRJ, especialista em Educação Especial (UERJ), especialista em Administração Escolar – (UNIG), membro do grupo de pesquisa: Observatório de Educação Especial e Inclusão Escolar, Práticas Curriculares e Processos de Ensino e Aprendizagem (ObEE/UFRRJ), pedagoga nas coordenadorias de Educação Especial das secretarias municipais de educação de Duque de Caxias e Belford Roxo.

Às 10h, acontecerá a palestra sobre a LBI – Lei Brasileira de Inclusão, com o Drº. Caio Silva de Sousa, mestre em Direito Público e Evolução Social (Universidade Estácio Sá); secretário geral da Comissão de Defesa de Direitos da Pessoa com Deficiência (OAB/RJ), professor de Direito Constitucional, Direito Processual Civil e Deontologia Jurídica (Faculdades São José), pesquisador do Observatório de Políticas Públicas, Direito e Proteção Social (PPGD/UNESA), e Especialista em Direito Desportivo (Universidade Cândido Mendes) e Bacharel em Direito (Universidade Cândido Mendes).

Depois do almoço, às 13h, haverá outra apresentação de alunos da Rede Municipal, seguida da palestra sobre “Práticas de Aprendizagens Integradoras e Inclusivas em Sala de Aula” com a professora Tatiana Carnaval, psicóloga, psicopedagoga, especialista em psicossomática e neurociências aplicadas à aprendizagem, psicomotricista, professora da pós-graduação em psicopedagogia (Unicarioca).

Palestra especial para os professores das salas de recursos e NAE

No dia 28 de agosto, a maratona de atividades continua, às 8h  e vai até às 16h desta vez na Escola Municipal Leopoldo Machado. Durante todo o dia, o público irá debater sobre o tema “Compartilhando Vivências e Práticas na Deficiência Visual”, oferecida pela professora Verônica Ramiro Lopes - Especialista em Deficiência Visual (UNIRIO,; Orientadora do Núcleo de Apoio Pedagógico Especializado (NAPES - São João de Meriti - Metro VII- SEEDUC – RJ), Curso de Extensão Tecnologia Assistiva e Comunicação Alternativa (UFRJ), Multiplicadora do Sistema Operacional Dosvox.

Segundo a coordenadora do Departamento de Educação Especial do município de Queimados, Rosângela Barbosa, o evento também tem o objetivo de ressaltar o trabalho da educação especial na cidade. "Vem novamente reafirmar a importância de uma educação inclusiva, participativa e onde acreditamos que é possível fazer quando se pensa no ser humano como um todo e vamos mostrar um pouco de como está sendo realizado este trabalho aqui em nosso município" Ressaltou.


Serviço:

21 DE AGOSTO – TEATRO METODISTA – DAS 8h ÀS 17h

08h – Abertura do evento - Apresentação de alunos da Rede Municipal: E. M. Metodista- música,
E. M. Luiz de Camões com Interpretação teatral
E. M. Carlos Pereira Neto - música.

9h: Palestra sobre a Escolarização da Pessoa com Deficiência Intelectual  com a Pedagoga Leila Lopes de Avila.

10h - Apresentação da E. M. Senador Nelson Carneiro - Recitação de poesia; Relatos de boas experiências; Apresentação musical;

Palestra sobre a LBI – Lei Brasileira de Inclusão - Decreto 7.611 - 17/11/2011  com o Drº. Caio Silva de Sousa –

12h – INTERVALO

13h – Apresentação de Alunos da  E. M. Pastor Arsênio Gonçalves - música;
E. M. P. Gilvanei Pereira da Fonseca - Peça teatral;

13h:30min – Práticas de Aprendizagens Integradoras e Inclusivas em Sala de Aula ₋ Professora Tatiana Carnaval ₋

16h – Apresentação dos alunos da E. M. Professor Alberto Pirro - dança;
E. M. P. Leopoldo Machado - Apresentação musical em Libras.

ENCERRAMENTO

DIA 28 DE AGOSTO NA ESCOLA MUNICIPAL LEOPOLDO MACHADO -  DAS 8H ÀS 16H

08h – Compartilhando Vivências e Práticas na Deficiência Visual. - Professora Verônica Ramiro Lopes -

12h – INTERVALO

13h – RETORNO

16h – ENCERRAMENTO

LOCAL: Escola Municipal Professor Leopoldo Machado.

Público alvo: Professores de Salas de Recursos e Profissionais do NAE.

Queimados oferece mais de 200 vagas para Educação de Jovens e Adultos

Três unidades da rede municipal de ensino estão com matrículas abertas para turmas que abrangem desde a alfabetização até os anos finais do Ensino Fundamental

Diretora Katia Baptista com a turma da EJA 
Dine Estela: A rede municipal de ensino de Queimados está com inscrições abertas para a Educação de Jovens e Adultos (EJA) referente ao segundo semestre de 2017. A modalidade está sendo oferecida em três escolas e tem por finalidade garantir o acesso ao Ensino Fundamental às pessoas que não puderam iniciar ou prosseguir seus estudos na idade certa. Ao todo, há 214 vagas disponíveis. No total, o município conta com 1.061 alunos  matriculados nesta categoria.


As ofertas são para a Escola Municipal Oscar Weinschenck (Rua Eloiza, s/n, Fanchen), que está com 90 vagas em aberto para turmas de alfabetização e anos iniciais, para a Escola Municipal Leopoldo Machado (Av. Vereador Marinho Hemetério de Oliveira, s/nº, Centro), que tem 75 vagas disponíveis para turmas dos anos iniciais e finais e para a Escola Municipal Scintilla Excel (Travessa Campo Alegre, s/nº, Bairro Belmonte), que está com 106 vagas a serem preenchidas nas turmas de alfabetização e dos anos finais.

Para a realização da matrícula, o candidato deve se dirigir à unidade de sua preferência, de segunda a sexta-feira, a partir das 18h ou na sede da Secretaria Municipal de Educação (Rua Hortência – Praça dos Eucaliptos – Centro), das 8h às 17h, munidos das cópias da identidade, certidão de nascimento, pasta modelo 17, histórico escolar ou declaração de transferência, 3 fotos 3X4, comprovante de residência e tipo sanguíneo. A idade mínima para realizar a inscrição é de 15 anos.

Como forma de estimular o cidadão a voltar e a permanecer em sala de aula, o secretário de Educação de Queimados, o professor Lenine Lemos, programou um roteiro de visitas em todas as escolas da rede contando um pouco de sua história pessoal e acadêmica. “Tudo é possível quando se tem um sonho. Eu voltei a estudar aos 34 anos, fiz duas pós-graduações, incluindo uma docência do ensino superior, sou formado em administração pública e marketing e hoje sou professor universitário. Por tanto, não desistam de vocês mesmos”, enfatizou o secretário.

Ainda de acordo com o secretário é preciso mais do que giz para se obter o êxito educacional. “Já é difícil manter a atenção de uma criança que não tem preocupações de um adulto na cabeça. Imagine segurar a atenção de um pai ou uma mãe de família depois de um dia inteiro de trabalho. Esse público precisa de muitos estímulos educacionais, não por falta de interesse deles, pelo contrário, são muito aplicados, mas o cansaço do dia a dia castiga muito. Por isso, mantemos nossos professores sempre em formação continuada”, disse.


 Recomeço como uma alternativa

O sonho de ler e escrever o próprio nome fez o carpinteiro Ednaldo Lima da Silva, de 47 anos, voltar para a sala de aula depois de criar três filhos. “Quero acompanhar de perto o estudo dos meus filhos, além de melhorar profissionalmente e não estou conseguindo sem a educação. Graças ao incentivo da minha esposa resolvi tentar novamente já que na minha infância tive que abandonar os estudos para ajudar meu pai a criar meus 10 irmãos”, contou o aluno da Escola Municipal Leopoldo Machado.

Já a estudante Vera Lima da Silva, de 58 anos, trabalha há 20 anos como empregada doméstica e  agora se viu obrigada a ter que voltar a estudar por conta de uma exigência imposta no trabalho. “Criei meus três filhos trabalhando como doméstica. Mas agora minha patroa exige que eu assine o ponto e leia os rótulos dos produtos de limpeza, algo que achava que era impossível para mim. Saio de Ipanema todos os dias e venho direto para a sala de aula à noite”, conta.

Jovens também procuram a modalidade

De acordo com a Coordenadora da Educação de Jovens e Adultos de Queimados, a professora Letícia Farjado, a EJA não é de exclusividade dos idosos. Segundo ela, houve um aumento considerável no número de jovens que buscam essa modalidade de ensino nos últimos anos, especialmente por falta de aporte financeiro. “Muitos deixam a escola para trabalhar, outros por conta da chegada de filhos. Esse é um dos desafios a serem discutidos e vencidos coletivamente a fim de que os jovens que cheguem à EJA e encontrem espaços favoráveis para compartilhar e ampliar conhecimentos com os adultos e idosos num mesmo ambiente de aprendizagem”, enfatizou a docente que concluiu recentemente um curso de pós-graduação sobre “juvenilização” da EJA.

A jovem Fabiana Santos, de 21 anos, é um dos casos que se enquadram nesse perfil.  Estudante da Escola Municipal Professor Leopoldo Machado, ela teve que paralisar os estudos por conta de uma gravidez e ficou sete anos parada. “Só consegui voltar agora que minha filha já não precisa tanto de mim. Hoje, porém, não consigo arrumar emprego porque não tenho o Ensino Médio. Se não fossem estas turmas especiais à noite, não conseguiria voltar a estudar”, concluiu

quinta-feira, 17 de agosto de 2017

Central de Atendimento ao Contribuinte de Queimados ganha núcleo exclusivo de protocolo

Descentralização do sistema de abertura de processos para a sede da Secretaria de Fazenda vai desburocratizar atendimentos e melhorar arrecadação  

Leandro Machado - Os contribuintes de Queimados que precisam quitar seus impostos, como o IPTU, emitir um alvará ou até mesmo abrir um simples processo para legalizar o seu comércio ou imóvel vão ter menos burocracia para realizar esses e outros procedimentos. É que a Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Fazenda e Planejamento, implantou no início desta semana um núcleo de protocolo na Central de Atendimento ao Contribuinte (CAC). A iniciativa visa melhorar o atendimento, agilizar a tramitação de processos e consequentemente melhorar a arrecadação. 

Com a descentralização do sistema de protocolo, a conclusão de um processo pode ser antecipado em até 15 dias.  "Antes a abertura de processos e outros serviços eram todos realizados na sede da Prefeitura. Agora, o contribuinte vai poder fazer vários procedimentos em um mesmo local. Desde dar entrada ao processo até seu arquivamento é tudo no CAC. Se não houver pendências, em 30 dias está tudo resolvido”, destacou o secretário da Pasta, Fábio Cristiano.

Quem aprovou o novo serviço foi a Auxiliar de Recursos Humanos Gisele da Silva Soares (30), moradora do bairro São Roque. Ela esteve na CAC para abrir processos de Alvará de funcionamento e alteração cadastral da empresa que trabalha. “O melhor é que podemos realizar tudo em um só lugar. Outro ponto positivo, acredito que seja a desburocratização no atendimento e a aceleração nas etapas do processo”, ressaltou.

A Central de Atendimento ao Contribuinte fica na sede da Secretaria de Fazenda e Planejamento, localizada na Rua Alves, nº 68 – Centro. O atendimento funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. Informações: (21) 2663-9400.

Desconto para quem está em Dívida Ativa e outras melhorias

Além de melhorar o atendimento, a prefeitura está preparando uma campanha que dará desconto de até 100% em juros, multas e correções para os contribuintes que estão em Dívida Ativa com a prefeitura. “O valor pago será original relativo ao período em que não houve o pagamento. Estamos com o projeto avançado, finalizando os últimos ajustes”, destacou o secretário de Fazenda e Planejamento de Queimados, Fábio Cristiano.

Além da descentralização do sistema de protocolos, implantadas pela Secretaria Municipal de Fazenda, a revitalização da sala que abriga a Central de Atendimento ao Contribuinte (CAC) e a emissão online do carnê do IPTU são outras novidades.

O alvará digital será outra conquista. A iniciativa vai tornar mais eficiente e ágil a emissão para conseguir a autorização para o início de funcionamento de estabelecimentos. Em breve, o documento poderá ser impresso no portal oficial da prefeitura, assim como já funciona com o IPTU. A Central de Atendimento ao Contribuinte também foi informatizada com painel eletrônico com atendimentos organizados por senhas. Também serão adquiridos novos mobiliários para melhor comodidade aos cidadãos.