sexta-feira, 23 de junho de 2017

Queimados mapeia áreas de risco como prevenção às catástrofes naturais

Ação faz parte do plano municipal de contingência que identificou os possíveis pontos vulneráveis em épocas de fortes precipitações em 26 bairros diferentes

Leandro Machado - Foram quase trinta dias de um trabalho intenso e minucioso, que envolveu a ação de dezenas de agentes municipais e a participação efetiva de mais de 500 moradores de diversas localidades do município de Queimados, na Baixada Fluminense. A Secretaria Municipal de Defesa Civil terminou nesta sexta-feira (23) o mapeamento de áreas vulneráveis a catástrofes naturais na cidade e identificou em 26 bairros diferentes, seus pontos vulneráveis a alagamentos, inundações e deslizamentos em época de fortes precipitações.

Na ação, as equipes visitaram os locais e entregaram um questionário para a família preencher. A partir destas respostas, os pontos confirmados como de riscos recebem uma atenção especial dos órgãos municipais. No documento de perguntas e respostas, o entrevistado informou, por exemplo, se existe pessoas com dificuldades de locomoção ou crianças; se há histórico de alagamento no local, entre outros questionamentos.

O Secretário Municipal de Defesa Civil, Davi Brasil, fala sobre o prosseguimento do Plano de Contingência e destaca as ações a serem desenvolvidas: “O nosso primeiro passo foi identificar os locais de riscos, agora vamos comunicar ao INEA, as secretarias de Habitação, Serviços Públicos, Obras, por exemplo, para agirmos, efetivamente, e resolvermos o problema”, ressaltou.

A melhor maneira de evitar grandes tragédias é a prevenção. E por isso, após a identificação destas áreas, a secretaria irá confeccionar relatórios e encaminhá-los para as pastas competentes para realizar o trabalho de mitigação, ou seja, reduzir ou eliminar os riscos de catástrofes. A ação faz parte do Plano Municipal de Contingência.

De acordo com os laudos técnicos da secretaria, os maiores incidentes são casas construídas em áreas de riscos, como às margens de rios e córregos. “Nós identificamos os locais e seus riscos e agora vamos passar para os órgãos competentes. Trabalhamos em conjunto com outras secretarias para que possamos obter os melhores resultados nos momentos de chuvas fortes”, destacou o Subsecretário, Antônio Gentil.
  
No relatório, a Defesa Civil identificou as localidades que precisam de mais ações preventivas. Os bairros: São Jorge, São Francisco e Roncador, que são cortados pelo rio Quebra-Coco, receberão serviços de dragagem. Outra localidade que recebeu diversas notificações foi a Vila Americana. Lá, muitas famílias vivem às margens do Rio Sarapó e uma ação conjunta com as secretarias de Urbanismo, Habitação e Serviços Públicos está prevista para os próximos dias.

Prefeitura de Queimados oferece capacitação gratuita para os produtores de leite

Curso que acontecerá em parceria com a UFRJ,  vai ensinar a prevenir e tratar a mastite bovina. Ao todo são 30 oportunidades 

Jéssica Moreira - Quem vive da produção de leite sabe quantos prejuízos podem surgir de doenças no gado. Uma das mais sérias é a mastite, uma inflamação da glândula mamária que, em estágio avançado, chega a causar morte dos animais atingidos. Para ampliar o conhecimento acerca do assunto, a Prefeitura de Queimados, por meio da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Rural e Agricultura, oferece na próxima sexta-feira (30) um dia de campo gratuito sobre formas de prevenção e tratamento da doença.

A iniciativa acontece em parceria com o Instituto de Zootecnia da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ), que disponibilizou dois profissionais para ministrar o curso e forneceu material para realização das aulas. 

Imagens: Luiz Ambrósio/ SEMCOM - PMQ
São 30 oportunidades voltadas para produtores de leite e trabalhadores da área, que devem procurar a SEMDRAG para inscrições até que as vagas sejam preenchidas.

A metodologia da capacitação – que acontecerá num sítio localizado na divisa dos bairros Chapadão e Santo Expedito – engloba aulas teóricas e práticas com animais, a fim de demonstrar métodos de identificação, prevenção e tratamento da doença.

Para o Secretário da Pasta, Abílio Cardoso, a intenção da gestão municipal é auxiliar o máximo possível na difusão de conhecimento para evitar perdas econômicas aos produtores de leite.

“A mastite afeta diretamente a produção, causando a redução do leite. Leva ao descarte de leite e de animais, aos gastos com medicamentos, com serviços veterinários e com o aumento de mão-de-obra. Nosso papel é orientar e ensinar a evitar esse mal para, assim, otimizar a produção e melhorar a vida dos profissionais”, concluiu o gestor.

quinta-feira, 22 de junho de 2017

Queimados adere ao Programa 'Calçada Acessível'

Em reunião com membros do sistema FIRJAN, gestão municipal debate metas para melhorar mobilidade urbana no município

Jéssica Moreira - Por uma Queimados acessível a todos: O Prefeito Carlos Vilela assinou, nesta quinta-feira (22), a carta de intenção para aderir ao Projeto Mobilidade Urbana – Programa Calçada Acessível. Em reunião realizada na ASDINQ (Associação das Empresas do Distrito Industrial de Queimados), diversas secretarias firmaram parceria para debater e implantar melhorias na acessibilidade do espaço público da cidade, tais como Urbanismo, Obras, Serviços Públicos e Assistência Social. Representantes do sistema FIRJAN também participaram do encontro.

Uma palestra foi ministrada por Luiz Gustavo Guimarães, Arquiteto e Coordenador do Programa, para conscientizar os gestores sobre os desafios da empreitada e a importância da parceria entre poder público e empresas privadas na resolução dos problemas de mobilidade.

Um ‘choque de ordem’ está previsto para breve, no qual o objetivo é desobstruir as calçadas para o fluxo livre de pedestres (sejam eles deficientes ou não). De acordo com o Prefeito Carlos Vilela, a Secretaria de Urbanismo será a principal responsável por estudar a implantação do projeto no município. 

“Um workshop foi marcado para o próximo mês, no qual poderemos visualizar melhor as necessidades e entender como os pedestres se locomovem em Queimados. Vamos usar vendas, cadeiras de rodas, bengalas, muletas e tudo o mais que nos permita tentar nos colocar na pele de quem tem dificuldade para transitar”, afirmou o gestor.

Instituto de Previdência de Queimados encerra recadastramento com 100% de servidores alcançados

Autarquia realizou a regularização de 345 aposentados e pensionistas em dois meses

Leandro Machado - Após mais de dois meses de muito trabalho, o objetivo foi alcançado. O recadastramento realizado pelo PREVIQUEIMADOS (Instituto de Previdência dos Servidores Públicos do Município de Queimados) foi encerrado nesta semana e alcançou 100% dos aposentados e pensionistas ligados à autarquia.  Dos 345 servidores, 316 fizeram a regularização de forma presencial, 22 atendimentos foram por via eletrônica e sete pessoas realizaram o recadastramento domiciliar. 

Com o sucesso na realização do recadastramento anual realizado pelo órgão, nenhum servidor teve seu benefício suspenso. O recadastramento teve início em abril e em maio houve uma prorrogação do serviço.

O recadastramento anual é para manter os dados dos servidores atualizados e uma ferramenta eficaz para evitar fraudes. O Diretor-Presidente do PREVIQUEIMADOS, Marcelo Fernades, comemorou o resultado obtido e destacou a necessidade da realização da atualização periodicamente: “Alcançamos mais uma vez o nosso objetivo e quem tem a ganhar é o próprio servidor. Mantemos uma gestão austera que prioriza a transparência e o compromisso com os nossos beneficiários”, destacou. 

O diferencial é a forma humanizada que o servidor é tratado pela autarquia. Dentre os aposentados e pensionistas existem aqueles que não podem se locomover por causa de idade avançada ou doenças. E para que este beneficiário não fique prejudicado, uma equipe do PREVIQUEIMADOS agenda uma visita domiciliar para realizar o recadastro: “Este ano foram sete pessoas que precisaram de visitas em casa. São pessoas que já trabalharam muito por nosso município e que hoje, infelizmente, por um motivo ou outro, não podem mais se locomover. Eles se sentem prestigiados”, concluiu Fernandes.

terça-feira, 20 de junho de 2017

Queimados conquista segundo lugar em ranking de controle interno divulgado pelo Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro


MPRJ avaliou 16 quesitos da atual situação dos 92 municípios fluminenses. Município ficou em primeiro lugar em cinco e obteve nota máxima em três


Leandro Machado - O Ministério Público do Estado do Rio de Janeiro (MPRJ) divulgou na última segunda feira (19) o ranking que avalia a atual situação dos sistemas de Controle Interno dos municípios fluminenses, levantados pela entidade a partir das respostas das prefeituras apresentadas ao formulário encaminhado pelo Centro de Apoio Operacional das Promotorias de Justiça de Tutela Coletiva de Defesa da Cidadania (CAO Cidadania). E Queimados, na Baixada Fluminense aparece em segundo lugar na colocação geral com nota 7,28. Ao todo, o levantamento contou com 124 questões.

Com base em informações sobre orçamento, controladoria, transparência, estrutura e regulamentação dos sistemas de controle interno, dentre outras, os municípios receberam notas numa escala de zero a dez. Foram analisados 16 quesitos e Queimados ficou em primeiro lugar em cinco (Auditoria, Controladoria, Orçamento, Planejamento e Iniciativa Louvável) e segundo em outros três (Auxílio ao Controle Interno, evolução e Abrangência).

O município obteve nota máxima em três quesitos: orçamento, evolução e Controladoria. Entre os temas avaliados nessas áreas estão: análise do controle de custos e avaliação dos programas financiados com recursos do orçamento, metas do Plano Plurianual de Planejamento e realocação de recursos ou eventuais repriorizações das ações governamentais.

De acordo com o Controlador Geral de Queimados, Air de Abreu, os órgãos de controle têm papel fundamental no combate à corrupção e, por isso, o levantamento é de suma importância.  “Temos muito a avançar ainda, mas é claro que temos que comemorar o resultado. Ele é fruto do trabalho sério que realizamos e dos atos normativos que instituímos para nortear os ritos da administração pública, como as auditorias e contratos. Temos uma gestão séria que dá transparência a todos os seus atos, aí os resultados aparecem naturalmente”, destacou.



A divulgação do ranking foi realizada no edifício-sede do MPRJ durante o lançamento do projeto "Edificando o Controle Interno", que visa diagnosticar a atual situação do controle interno dos municípios e dar orientações gerais sobre o tema, que deve desenvolver as funções de auditoria, ouvidoria, correição e apoio ao controle externo para prevenção e o combate a atos de má gestão que podem ocasionar lesão ao patrimônio público.

Beneficiários do ‘Minha Casa, Minha Vida’ recebem escritura definitiva em Queimados

Prefeitura entrega documentação aos moradores do condomínio Valdariosa até a próxima quinta-feira (22)

Jéssica Moreira - Pode um simples papel significar a realização do sonho de toda uma vida? Para Germana Cândido (37), sim. Ela é uma das 1500 pessoas contempladas pelo Programa ‘Minha Casa, Minha Vida’, que moram no Condomínio Valdariosa e começaram a receber nesta terça-feira (20) escrituras definitivas de seus imóveis, na Escola Municipal Metodista, no bairro Pacaembu.

Beneficiada pelo programa em 2012, a professora comemora o recebimento do RGI (Registro Geral de Imóveis) de um apartamento, que, de acordo com ela, representou mais dignidade para sua família.

“Morava de aluguel na Vila Americana e nunca tinha tido casa própria. Faltam palavras pra descrever o que estou sentindo. O brasileiro trabalha, se esforça, mas mesmo assim sofre para conseguir um canto só seu. Hoje sou plenamente adaptada ao meu bairro e à minha casa. Essa escritura é a oficialização do meu sonho”, declarou feliz.

A Prefeitura de Queimados, por meio da Secretaria Municipal de Habitação e em parceria com representantes da Caixa Econômica Federal, finaliza a distribuição dos documentos na próxima quinta-feira (22).

Imagens: Thiago Loureiro - PMQ
Para retirar o documento, é preciso comparecer à Escola Municipal Metodista das 9h às 17h e em posse de Identidade e CPF. Vale lembrar que mesmo quem ainda está pagando as parcelas do financiamento pode receber a escritura e, ao quitá-las, validar o documento junto a um cartório.

A subsecretária de Habitação, Romilda Gonçalves afirma que esse é um passo necessário ao processo de legalidade dos imóveis e pede que os proprietários dos apartamentos não se esqueçam de retirar as escrituras.

“Estamos dividindo a entrega de acordo com os blocos do Condomínio e serão três dias de entregas. É a conclusão de um processo que proporcionou condições dignas de moradia a essas famílias e nos dá muita satisfação como gestão participar dessa alegria”, concluiu.

Abastecimento de água potável será ampliado com 70 novos quilômetros de rede de distribuição em Queimados


Reservatórios de última geração começam a ser montados e cerca de 10 mil novas ligações domiciliares serão feitas já a partir de julho


Leandro Machado - Os dias de amargura para os moradores de Queimados que ainda sofrem com o problema das torneiras vazias estão muito próximos do fim. O projeto Novo Guandu, que na cidade conta com a parceria da CEDAE com a Prefeitura, vai possibilitar a ampliação do sistema de abastecimento de água em diversas localidades do município e beneficiar cerca de 200 mil pessoas. Com mais de 80% das obras já executadas, o pacote inclui nesta primeira etapa a construção de dois novos reservatórios: Queimados I e Camburi, um booster (conjunto de bombas que regula a pressão na rede), 70 novos quilômetros de rede de distribuição e 5,6 quilômetros de assentamento de troncos distribuidores.

O investimento é de mais de R$ 75 milhões. A previsão é que 10 mil novas ligações domiciliares sejam realizadas já a partir de julho deste ano, quando terão início os trabalhos de hidrometração. Já a conclusão da obra deve acontecer em dezembro. A Prefeitura de Queimados foi a responsável pela desapropriação dos terrenos para a construção dos reservatórios por parte da concessionária.

O reservatório Queimados I, em fase de conclusão das escavações para iniciar a construção da base no bairro Vila Nascente, terá capacidade para armazenar 5 milhões de litros. Ele vai atender também os moradores do Campo da Banha, Santa Catarina, Centro, Inconfidência e Parque Farias.

Já o reservatório do Camburi será montado no bairro Jardim do Trevo e terá capacidade para armazenar 2,5 milhões de litros. O material se encontra no canteiro central da obra, só aguardando a liberação do terreno desapropriado pela prefeitura para a execução da montagem. Também serão beneficiados os bairros: Santa Rosa, Vila São João, Meu Ranchinho, Santo Expedito e Vila Americana.

Os bairros também estão recebendo o serviço de assentamento de troncos de adução e distribuição, complementando assim a rede já existente nessas regiões. Ao todo, 98%  desse trabalho já foi executado.

De acordo com o prefeito de Queimados, Carlos Vilela, a prefeitura desenvolveu em parceria com a CEDAE projetos para erradicar a falta d’água em todas as regiões da cidade.  “Desapropriamos os terrenos para tornar possível a construção desses reservatórios que serão os responsáveis por abastecer diversos bairros e vão beneficiar milhares de moradores. Em breve, não vai mais faltar água na torneira dos nossos moradores”, garantiu.

Reservatórios especiais

Ambos os reservatórios serão com materiais metálicos, vitrificados e tratados com pintura anticorrosiva, ou seja, vai dificultar o processo de enferrujamento e o surgimento de lodo. O sistema Queimados I terá uma linha de adução (tubulação que abastece o reservatório) de um quilômetro de extensão e 500 milímetros (mm) de diâmetro e ampliação do tronco distribuidor, com o assentamento de 16,2 quilômetros de redes variando de 150 mm a 600 mm.

Já o sistema Camburi terá linha adutora de 2 quilômetros de extensão e 300 mm de diâmetro, com tronco distribuidor ampliado e o assentamento de mais 8 quilômetros de redes de 150mm a 400mm de diâmetro.  

segunda-feira, 19 de junho de 2017

Paciente com doença genética rara inicia tratamento inovador em Queimados

Prefeitura inaugura sala de infusão com o início de terapia de reposição enzimática que acontece pela primeira vez na Baixada 

Jéssica Moreira - Um frasco que contém altas doses de esperança. Este é o sentimento da família do pequeno Maxuel do Nascimento, de apenas 5 anos, primeiro paciente da sala de infusão para o tratamento de doenças genéticas raras, inaugurada nesta segunda-feira (19) pela Prefeitura de Queimados por meio da Secretaria Municipal de Saúde.  O procedimento, pioneiro na Baixada Fluminense, se baseia na reposição enzimática e é peça-chave no tratamento da Mucopolissacaridose - MPSII, também conhecida como Síndrome de Hunter -, doença rara causada por uma informação genética incorreta que leva à falha de produção de uma substância (enzima) importante para certas reações químicas no organismo. O vice-prefeito Machado Laz representou o prefeito Carlos Vilela no evento.

O espaço funciona dentro do Centro Especializado no Tratamento de Hipertensão e Diabetes (CETHID) e coloca o município de Queimados na história como a primeira cidade da região a realizar esse tipo de tratamento fora de um Centro Universitário. A estrutura preparada pela prefeitura para procedimentos infusionais conta com balão de oxigênio, maca, bomba de infusão, respirador, medicamentos para emergência, materiais para intubação específicos, ventilação mecânica e monitores de vigilância. Além disso, uma equipe formada por dois médicos (geneticista e uma neuropediatra), enfermeiros e técnicos especializados fica à disposição do paciente em cada sessão.

No caso de Maxuel, é preciso repor a enzima idursulfase, que visa degradar substâncias prejudiciais acumuladas no organismo. Sem o medicamento – que custa em média R$ 1 milhão por ano e é importado da Ásia –, funções essenciais do corpo ficam comprometidas, o que pode levar à morte. Acompanhado da tia, do pai e da avó materna, o menino foi submetido à primeira sessão, que dura em média 5h e precisa ser realizada uma vez por semana por toda a vida.

De acordo com o geneticista Dr. João Gabriel Daher, coordenador do núcleo de doenças raras do município, este tipo de serviço só é realizado dentro de Centros Universitários devido à alta complexidade que exige. “Será um procedimento único na Baixada inteira. Agora, o paciente vai conseguir tratar ao lado de casa, repondo a enzima necessária sem precisar enfrentar horas de trânsito. Logo nos primeiros meses será possível observar mudanças significativas na qualidade de vida do paciente, pois haverá melhora da respiração, da locomoção e uma estabilização dos danos causados pela síndrome no organismo”, contou o especialista.

Foi por meio do diagnóstico do profissional -  responsável pelo acompanhamento de cerca de 40 famílias por mês - que o pequeno Maxuel conseguiu a judicialização junto ao Ministério da Saúde para o início do tratamento.

Sintomas observados desde bebê

Traços faciais desproporcionais, infecções respiratórias recorrentes e secreção nasal constante foram alguns dos sintomas observados ao longo dos primeiros anos de vida pela tia do menino, Maria Cristina do Nascimento (45), com quem ele vive. “Ele também começou a ter dificuldade para mexer os membros, o que nos preocupou muito. Então, a pediatra da rede que o acompanhava indicou o serviço de genética oferecido gratuitamente pela prefeitura e lá o diagnóstico foi preciso”, ressaltou.

Para obter o diagnóstico preciso da doença, o sangue do menino foi coletado em Queimados e enviado para um laboratório na Alemanha, referência neste tipo de tratamento. Para o pai da criança, o gari Fábio Nascimento da Silva (45), o momento é de gratidão pela oportunidade de tratar o filho com eficiência e dignidade tão próximo de casa.

“O Maxuel já é um guerreiro, enfrentou muitos problemas de saúde desde que nasceu e perdeu mãe com 15 dias de vida. Só tenho a agradecer a Deus, a toda a equipe médica e ao prefeito, que tem dado todo o suporte do tratamento. Meu filho é muito querido aqui, ele formou uma família”, declarou emocionado o morador do bairro Vilar Grande.

Estrutura especial para o serviço

Imagens: Thiago Loureiro/ SEMCOM - PMQ
A Secretária Municipal de Saúde, a Drª Lívia Guedes, afirma que o centro para o tratamento de infusão contará com uma estrutura especial que engloba desde monitores de vigilância especiais até instrumentos para o socorro imediato do paciente caso ocorra algum tipo de intolerância ao medicamento. “A missão traçada pelo prefeito Carlos Vilela é dar total suporte ao centro de doenças raras. Vislumbramos oferecer um serviço de referência na Baixada Fluminense”, frisou a gestora.

O núcleo de doenças raras de Queimados funciona no Centro de Tratamento para a Hipertensão e Diabetes (CETHID) e para receber atendimento no local, é necessário procurar o setor de regulação da saúde - (R. Onze, s/nº – Pacaembu) - em posse de encaminhamento médico.

quarta-feira, 14 de junho de 2017

Convênio entre Prefeitura de Queimados e APAE vai beneficiar cerca de 90 pessoas com necessidades especiais

Parceria com duração de um ano vai ajudar à instituição filantrópica com nove mil reais mensais

Leandro Machado - Uma simples assinatura de convênio que vai mudar para melhor a vida de cerca de 90 pessoas com necessidades especiais que são atendidas na APAE Queimados. Numa cerimônia realizada na sede da instituição na tarde desta quarta (14) selou a parceria entre Prefeitura de Queimados, por intermédio da Secretaria Municipal de Assistência Social e a Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais que resultará no repasse no valor de nove mil reais mensais durante um ano à instituição filantrópica.


Participaram do evento de assinatura do convênio, o Prefeito Carlos Vilela, os secretários municipais de Assistência Social, Elton Teixeira; de Educação, Lenine Lemos; de Saúde, Lívia Guedes, e outras autoridades políticas. 

A instituição filantrópica é mantida com recursos próprios e, principalmente, de doações foi fundada em 26 de agosto de 1995. O Prefeito Carlos Vilela destacou a importância da parceria entre o poder público e instituições filantrópicas: “A APAE desenvolve um trabalho maravilhoso em nossa cidade. Sempre com muita dificuldade, vivendo de doações e parcerias. Agora, nós podemos ajudar de uma forma mais eficaz e é gratificante para nós podermos realizar esta parceria”, destacou.

A instituição tem cerca de 20 profissionais, entre Fonoaudiólogos, psicólogos, fisioterapeuta, assistentes sociais, que trabalham de forma voluntária para ajudar pessoas com necessidades especiais. Elton Teixeira, Secretário Municipal de Assistência Social, falou sobre o convênio e destacou representatividade social da unidade no município: “Nós estamos hoje fazendo um reconhecimento público do trabalho realizado pela APAE ao longo dos anos em nossa cidade. Agora eles vão poder usar este recurso para realizarem melhorias, comprarem mantimentos e pagarem profissionais”, disse.

Radiante, a atual presidente da APAE Queimados, Valdira Viol, comemorou a assinatura do convênio. A frente da unidade desde janeiro, ela atua voluntariamente como terapeuta há 15 anos e destacou o que representará esta ajuda mensal para a instituição: “Esta parceria veio em um momento muito especial para a associação. Hoje recebemos uma quantia mensal de uma empresa no valor de mil reais e algumas campanhas realizadas. Este valor vai fazer uma grande diferença e melhorar, sem dúvidas, o atendimento em nossa unidade”, destacou.

A APAE Queimados funciona de segunda à sexta-feira, das 8h às 17h, fica na Rua Camilo Cristófano, s/nº - Fanchem. Para fazer doações e obter mais informações entrar em contato pelo telefone: (21) 2665-7796. 

Saúde de Queimados recebe mais um profissional do Programa Mais Médicos

Dr. Pedro Ávilla foi designado para atender população cadastrada na Estratégia em Saúde da Família do Bairro Santo Expedito. Atendimentos já começaram

Imagem: Thiago Loureiro / SEMCOM - PMQ
Leandro Machado - Receber atendimento médico ficou muito mais fácil para a diarista Marta Silva, de 47 anos. Nada de pegar ônibus para se deslocar até outra localidade para conseguir uma consulta. A facilidade de andar apenas alguns metros para a avaliação clínica ser marcada já é realidade para ela e centenas de moradores do bairro Santo Expedito, em Queimados, na Baixada Fluminense.

Precisando realizar exames de rotina, Marta chegou à unidade esperançosa em conseguir atendimento. Em pouco tempo, ela, além de marcar a consulta, conheceu e conversou com o médico da família que está atendendo na localidade: “A gente estava precisando. Eu que tenho um irmão que precisa de um atendimento especial desde que sofreu um AVC, estou muito feliz com a chegada do novo médico ao lugar onde moro há mais de 20 anos”, disse.

Viabilizada por meio do Programa Mais Médicos, a chegada do Dr. Pedro Ávilla à Estratégia em Saúde da Família do bairro Santo Expedito foi muito comemorada pela população e as consultas com o novo profissional já estão sendo realizadas normalmente.

A Secretária da Pasta, Lívia Guedes, explicou um pouco mais sobre a função do profissional nos bairros: “Capacitado para atender a pacientes desde o nascimento, os médicos de família, em um sistema estruturado, podem lidar com até 90% dos problemas de saúde. A ideia central dessa especialidade é conhecer e acompanhar o paciente por toda a vida, o que lembra a figura do médico de confiança”, disse.

O médico de família Pedro Ávilla é natural de Volta Redonda e já está atendendo no bairro Santo Expedito há duas semanas. O profissional destaca as principais demandas encontradas na localidade até o momento: “Nós estamos voltados à estratégia de saúde da família mesmo, ou seja, um trabalho preventivo e social. Atendo aqui pacientes com hipertensos, diabéticos, gestante, entre outros”, destacou.

Para marcação de consultas, é necessário estar cadastrado na unidade, que atende por região. É possível solicitar atendimento em uma das visitas de rotina que a equipe de saúde realiza nas residências ou comparecer à própria ESF, localizada na Avenida Olegário Dias, s/nº, no bairro Santo Expedito. 

Prevenção: Saúde de Queimados tem 1400 doses de vacina contra o vírus HPV à disposição da população

Público-alvo foi aumentado: além de meninas com idade entre 9 e 14 anos, meninos de 11 a 14 anos também podem se vacinar em qualquer unidade de saúde municipal

Jéssica Moreira - O papilomavírus humano (HPV) é um vírus que infecta a pele e as mucosas e pode causar câncer de colo de útero e verrugas genitais e é altamente contagioso. Para combater este mal, a vacina está disponível nas unidades básicas de saúde desde 2014. Em Queimados, na Baixada Fluminense, há 1400 doses prontas para proteger adolescentes entre 9 e 14 anos (meninos com idade entre 11 e 14 anos foram incluídos na campanha pelo Ministério da Saúde) e pessoas de 9 a 26 anos que sejam soropositivas ou imunodeprimidas.

Acompanhada da avó Francisca Pereira (69) ao Setor de Imunização do município, Júlia de França (9) já garantiu a primeira dose da vacina. “É bem melhor prevenir do que ficar doente um dia. Só uma picadinha que nem dói e já me sinto protegida, todas as meninas deveriam se vacinar”, afirmou a pequena, moradora do bairro Santo Expedito.

De acordo com a Secretária de Saúde, Drª Lívia Guedes, é essencial vacinar os adolescentes que ainda não iniciaram a vida sexual para garantir uma melhor cobertura da imunização.
Equipe de imunização recebe Júlia e Francisca
“O impacto da vacinação em termos de saúde coletiva se dá pelo alcance de 80% de cobertura vacinal, gerando uma ‘imunidade coletiva ou de rebanho’, ou seja, reduzindo a transmissão mesmo entre as pessoas não vacinadas”, declarou a gestora, que ainda afirmou que a principal forma de transmissão do HPV se dá por relações sexuais, mas também pode ocorrer no momento do parto (passando de mãe para filho), e, mais raramente, pelo contato das mãos.

Para receber a vacina, basta comparecer a qualquer unidade de saúde da rede municipal portando cartão de vacina. Para mais informações, o Setor de Imunização atende pelo telefone 2665-5151 e no endereço Rua Onze, s/nº, bairro Pacaembu (anexo ao CETHID – Centro Especializado no Tratamento de Hipertensão e Diabetes).

Imagens: Jéssica Moreira - SEMCOM/PMQ

terça-feira, 13 de junho de 2017

Prefeitura de Queimados recupera estrada em área rural no bairro Chapadão

Estrada do Camboatá tem recebido melhorias desde a última semana em ação que visa evitar assoreamento e melhorar escoamento da produção agrícola da região

Jéssica Moreira - A Prefeitura de Queimados, por meio da Secretaria Municipal de Agricultura, continua empenhada em melhorar a acessibilidade de áreas rurais do município. Por isso, cerca de dois quilômetros da Estrada do Camboatá, entre o Chapadão e o bairro Santo Expedito, estão sendo nivelados. A ação, que visa melhorar o escoamento da produção rural e facilitar a locomoção dos moradores, vai beneficiar centenas de trabalhadores do campo e estudantes da rede municipal. 

Além de pedras britadas, as ruas estão sendo reforçadas com saibro para evitar assoreamento em épocas de chuva forte. De acordo com o Secretário Municipal de Agricultura, Abílio Cardoso, as áreas rurais são muito importantes para a economia de uma cidade como Queimados.

“Famílias que vivem da agricultura e pecuária precisam ter acesso rápido e fácil aos pontos mais urbanizados para venderem suas mercadorias e, por isso, estamos nos esforçando para melhorar cada vez mais a qualidade de vida dos moradores”, declarou o gestor, que deu um prazo de cerca de 10 dias para o término da recuperação do trecho.

Imagens: Thiago Loureiro/ SEMCOM - PMQ
Morador do bairro há 13 anos, Marcelo de Jesus (38) aprova as obras. “Para ser sincero, tenho percebido muita melhora aqui nos últimos meses. Essa semana começaram a trabalhar nessa estrada, que era intransitável quando chovia. Agora o acesso está bem melhor, o ir e vir é mais fácil, o ônibus voltou a passar normalmente”, declarou o pedreiro.

Queimados decreta ponto facultativo na sexta


A Prefeitura de Queimados decretou ponto facultativo nas repartições públicas na próxima sexta (16) em razão do feriado da Corpus Christi. A folga não abrange os órgãos responsáveis pelos serviços públicos essenciais, entre eles os de limpeza pública, saúde, o departamento de Posturas Municipais, os Abrigos Municipais, a Defesa Civil e os órgãos envolvidos em procedimentos licitatórios, que devem elaborar escalas de plantões para regularidade dos serviços prestados e atendimento ao público.

segunda-feira, 12 de junho de 2017

Oportunidade para se qualificar sem precisar mexer no bolso

Prefeitura de Queimados abre vagas para cursos de beleza, música e fotografia 


Dine Estela: Para quem está em busca de qualificação profissional e uma renda extra para ajudar nas despesas familiares, a Prefeitura de Queimados, por meio da Secretaria Municipal de Cultura, está com vagas abertas para cursos livres 

de corte e escova, produção de penteados, violão e fotografia. As inscrições se iniciam nesta terça-feira (13),   a partir das 9h, no Centro de Artes e Esportes Unificados do bairro São Roque (Rua Macaé, n 430).

Os cursos de violão e fotografia serão  realizados através de uma parceria com a Secretaria Municipal de Assistência Social (SEMAS), através do projeto: “Estação Juventude” do Governo Federal. Para se inscrever, basta apresentar cópia dos documentos de identidade e comprovante de residência. A faixa etária varia por curso e vai dos 15 aos 29 anos.

Na última semana, quase 2 mil pessoas se inscreveram para mais de dez cursos oferecidos pela Secretaria Municipal de Cultura. Com as novas modalidades, a Prefeitura está promovendo 19 cursos gratuitos para a população. 

"Temos a missão dada pelo prefeito Carlos Vilela de manter o CEU - Planeta Futuro como um espaço, não somente, de lazer, mas de aprendizado. Aqui todas as atividades culturais e esportivas são ressignificadas com o objetivo de deixar um legado de aprendizado para os jovens. Não é à toa que o local se chama “Planeta Futuro”, destacou o secretário de Cultura de Queimados, Marcelo Lessa. 

Anexo ao CEU, também funciona um CRAS – Centro De Referência em Assistência Social, que juntos estão desenvolvendo várias atividades voltadas para as famílias atendidas pelo programa de assistência do município, informou o secretário de assistência, Elton Teixeira. “O CRAS tem capacidade para atender 4,5 mil famílias e todas estas famílias também utilizam o espaço do CEU, além do atendimento psicossocial, serviço de convivência e fortalecimento de vínculos,” acrescentou Teixeira.

O CEU – Planeta Futuro é um espaço de 3 mil metros quadrados e consiste em um Centro de Artes e Esportes que inclui salas multiuso, uma biblioteca com 2 mil livros didáticos em seu acervo, uma sala multimídia composta por 12 computadores com acesso à internet, um cineteatro/auditório com telão de 120 polegadas e capacidade para 60 lugares, uma quadra poliesportiva coberta, pista de skate, aparelhos de ginástica, parquinho para crianças e pista de caminhada.

Novas Inscrições em 13 de junho:
Produção de penteados (debutantes e noivas)
Vagas: 10 por turma
Duração: 3 meses
Faixa etária:15 em diante
Aulas 2ª feira: Manhã (8h/10h)  Tarde(14h/16h)  Noite(18h/20h)
Corte e escova
Vagas: 10 por turma
Duração: 3 meses
Faixa etária:15 em diante
Aulas 3ª feira: Manhã (8h/10h) Tarde (14h/16h) Noite (18h/20h).
Fotografia
Vagas: 10 por turma
Duração: 3 meses
Faixa etária:15 à 29 anos
2ª feira e 4a.feira: Tarde (13h/15h -15h/17h)
Violão
Vagas: 5 por turma
Duração: 6 meses
Faixa etária:15 à 29 anos
3ª feira:  manhã (9h/10h30 - 10h30/12h)
5ª feira tarde (13h30/15h - 15h/16h30)

TODOS OS CURSOS:
1.    VIOLÃO E GUITARRA
2.    PRODUÇÃO DE PENTEADOS
3.    GINÁSTICA
4.    ZUMBA
5.    TEATRO
6.    FOTOGRAFIA
7.    ORIGAMI
8.    INFORMÁTICA
9.    CORTE E ESCOVA
10.   ARTESANATO
11.   INGLÊS
12.   ADMINISTRAÇÃO
13. TECLADO
14. CONTRABAIXO
15. BATERIA
16.MODELO
17. CORTE E COSTURA
18. JAZZ
19. HIP HOP






-- 
Jornalista e radialista 
Dine Estela
970387270
98203-2155

Quem ama cuida: Dia dos Namorados com proteção em Queimados

Prefeitura oferece teste rápido gratuito para diagnosticar Doenças Sexualmente Transmissíveis. Resultado sai em apenas 30 minutos

Jéssica Moreira - Que o dia 12 de junho é dedicado aos namorados todo mundo sabe. E para garantir que os pombinhos de Queimados desfrutassem da data com mais tranquilidade e segurança, a Prefeitura promoveu, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, um dia exclusivamente voltado ao diagnóstico rápido de sífilis, hepatite e HIV. A ação, realizada pela equipe do Programa de Combate às DST’s (Doenças Sexualmente Transmissíveis) na última sexta-feira (9), aconteceu no Centro Especializado para o Tratamento da Hipertensão e Diabetes (CETHID).

Um psicólogo, um infectologista, um farmacêutico, dois enfermeiros e quatro técnicos administrativos foram responsáveis pela iniciativa, que possibilitou diagnósticos para 218 pessoas e mais 7200 preservativos distribuídos. Ao todo, mais oito locais oferecem o procedimento pela rede municipal de saúde de forma gratuita.

A dona de casa Nilceia Pereira (66), por exemplo, foi ao CETHID realizar uma consulta de rotina quando soube da iniciativa e resolveu participar. “Enquanto aguardava minha consulta, uma das enfermeiras  perguntou se eu gostaria de fazer os exames, e eu quis. Agora vou tentar trazer meu marido para fazer também. Não tem motivo para ter medo ou vergonha dos resultados, precisamos nos cuidar sempre”, contou a moradora do bairro do Glória, que felizmente teve resultados negativos para os testes de sífilis e HIV.

De todos os pacientes examinados, nove apresentaram resultados positivos para sífilis, um para hepatite C e um para o vírus HIV. Todos foram imediatamente encaminhados aos respectivos tratamentos, oferecidos gratuitamente pela rede pública municipal de saúde.

Imagens: Jéssica Moreira/ SEMCOM - PMQ
De acordo com a Secretária da Pasta, Dra. Lívia Guedes, o diagnóstico precoce é essencial para o tratamento e cura dessas doenças. "Muita gente tem medo de fazer os testes, mas eles são necessários. É rápido, fácil e gratuito. Além disso, pode salvar vidas.", declarou a gestora.

Para fazer os exames rápidos, basta comparecer ao Programa de Combate às DST's, anexo ao CETHID em posse do Cartão do SUS e um documento de identidade com foto. O resultado (com laudo médico) fica pronto em até 30 minutos.

Serviço:

Programa de Combate às DST’s
Local: Rua Onze, s/n°, Pacaembu - (CETHID) Queimados
Todas as sextas-feiras (por agendamento pelo telefone 2665-1963 ou no próprio local)

sexta-feira, 9 de junho de 2017

Queimados ganha seu primeiro Monumento Natural Municipal

Unidade de Conservação Bico Doce vai proteger área de 223 hectares localizada no bairro Vila São João

Leandro Machado - Foi uma sexta-feira diferente para cerca de 30 alunos do Ciep 341 Vereador Sebastião Pereira Portes, em Queimados. Ao invés das aulas e matérias comuns a uma turma do segundo ano do curso de Formação de Professores, os adolescentes aprenderam um pouco mais sobre a importância da proteção ao meio ambiente. Além de uma palestra sobre o tema, os jovens participaram do lançamento do primeiro Monumento Natural Municipal da cidade: O MoNa Bico Doce, localizado no bairro Vila São João. A ação fez parte do projeto “Ambiente e você”, que engloba a programação semanal em comemorações  alusivas ao Dia Mundial do Meio Ambiente.

Os alunos fizeram uma trilha íngreme para conhecer a nova Unidade de Conservação e passaram por diversas paisagens que ainda não tinham contato. No alto do morro, eles realizaram um plantio simbólico de espécies nativas de Mata Atlântica, mudas de Ipê amarelo e Pau-formiga. As equipes da Guarda Ambiental, além de técnicos da Secretaria Municipal do Ambiente e agentes do Corpo de Bombeiros, também participaram da atividade.

O local conta com um total de 223 hectares de preservação ambiental. Diferente de outras unidades de Conservação, o Monumento Natural tem a possibilidade de ser instituído em propriedade pública ou privada, garantindo assim a proteção de determinada área, que a partir de então não pode mais ser devastada. Tal medida, garantirá pontuação positiva do município no ranking do ICMS ecológico – imposto destinado às cidades por práticas sustentáveis –.

O secretario municipal do Ambiente, Cacau Nogueira, falou sobre a programação e os resultados obtidos com as ações realizadas durante toda semana: “Ficamos muito satisfeitos esta semana. Nós conseguimos alcançar nossas metas chegando a diversas localidades da cidade levando conscientização ambiental a um número muito bom de pessoas”, destacou.

A programação alusiva à semana do Meio Ambiente será encerrada neste sábado com a realização de uma mostra ambiental e oficina de reciclagem, a partir das 9h, na Praça Nossa Senhora da Conceição, no Centro. As atividades são gratuitas.