terça-feira, 16 de junho de 2020

Em menos de uma semana de funcionamento, Maternidade Municipal Queimados já registra 27 partos

Fim de semana foi movimentado na unidade que funciona 24 horas por dia. Mamães comemoram a chegada de novos queimadenses e o atendimento de qualidade na cidade

Pequeno Gael Lucas
Aline Lopes - Nem mesmo uma pandemia é capaz de parar o ciclo natural da vida. Diariamente pequenos seres humanos chegam ao mundo trazendo a esperança de dias melhores. Na Baixada Fluminense, por exemplo, a Maternidade Municipal Queimados trouxe à cidade 27 novos queimadenses em menos de uma semana de funcionamento. Inaugurada pela Prefeitura no último dia 11 de junho, a unidade funciona 24h por dia com capacidade para realizar 500 partos por mês e já encheu de felicidade as famílias do Gael, da Laura, do Flávio, da Mirella e de outras dezenas de crianças que nasceram no local.

Totalmente gratuita e com realização de partos normal, cesárea e humanizado, a maternidade conta com 42 leitos de internação, dois centros cirúrgicos com berço aquecido, berçário pós-parto, salas de medicação e de exames de ultrassonografia e cardiotocografia; consultórios ginecológico, pediátrico e de classificação de risco; laboratório de análises clínicas, farmácia, atendimento psicológico e acolhimento humanizado. O equipamento também oferece todos os componentes da Rede Cegonha, como pré-natal, parto e nascimento, além de cartório para registro de nascimento.

Bebê número 1 "viraliza" nas redes

O primeiro bebê a nascer no local foi o pequeno Gael Lucas, por meio de parto normal, às 18h38 da quinta-feira (11), pesando 2,885 kg e medindo 44 centímetros. Graças aos registros feitos pela equipe de comunicação da gestão municipal, sua chegada ao mundo foi vista por mais de 80 mil internautas.

No domingo (14), quarto dia de funcionamento da unidade, foi a vez de Mirella Zambote utilizar as dependências da primeira maternidade pública da cidade. “Estou muito feliz por ter tido minha filha bem pertinho de casa em uma maternidade excelente. O atendimento foi maravilhoso e todos os médicos bastante atenciosos conosco. Eu e minha nova queimadense agradecemos todos os cuidados e carinhos que tiveram com a gente”, afirmou a Letícia Zambote (23), moradora do bairro Inconfidência.

Para receber o atendimento médico na maternidade, é necessário comparecer ao local (Rua Deusinho Freitas, 13, Centro), portando identidade, CPF, comprovante de residência e cartão do SUS.

*Atualizado às 17h20 do dia 16/06/2020.

9 comentários:

  1. https://www.facebook.com/groups/QUEIMADOSJAPERI/permalink/2940543636068616/

    ResponderExcluir
  2. Oi nao esta precisando de jente pra trabalha na linpeza nao ou na cozinha

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá!

      A gestão municipal não teve participação no processo seletivo, que foi realizado pela empresa vencedora da licitação, o institutosocialseliga.org.

      Excluir

deixe aqui seu comentário sobre esta notícia.