terça-feira, 14 de fevereiro de 2017

Regularização em duas rodas

Prefeitura de Queimados dará início à operação de fiscalização para coibir atuação ilegal de mototáxis no município. Cadastro segue aberto para o serviço


Jéssica Moreira - Seja no centro, em frente à passarela, nas praças ou circulando pelas ruas, não é difícil vê-los por Queimados: os mototaxistas já fazem parte da rotina de locomoção dos moradores da cidade. Mas, os condutores que ainda não estão regularizados precisam ficar atentos. A Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Transporte e Trânsito, dará início nesta quarta-feira (15) a uma operação que irá punir com multa e apreensão de motocicletas quem não estiver credenciado para a prestação do serviço no município.

Estima-se que cerca de 1000 condutores estejam em atividade na cidade, dos quais apenas 250 cadastrados na prefeitura. Segundo o secretário de Transporte e Trânsito, Antônio Almeida, aqueles que não estiverem devidamente regularizados e credenciados não poderão transportar passageiros. “A fiscalização será diária e tem como objetivo melhorar a qualidade do serviço oferecido à população que, por sua vez, deve nos ajudar priorizando os profissionais que estão credenciados. Veículos oriundos de outros municípios ou sem vistoria e condutores sem habilitação também não serão permitidos”, disse.

De acordo com Antônio Almeida, os mototaxistas tiveram um ano de prazo para efetuarem o cadastro junto à prefeitura. “Mesmo assim, só 1/4 dos condutores nos procuraram para a regularização. O que não podemos aceitar é a prestação do serviço de forma irregular. Seremos rigorosos com isso. Quem não se cadastrou, deve fazer isso o quanto antes”, enfatizou o secretário. 

Profissionais aptos para o serviço 
Imagens: Simone Silva - SEMCOM PMQ

Dos 250 cadastrados, 160 já tiveram seus nomes e matrículas publicados no Diário Oficial do município e estão aptos para trabalhar (o restante precisa sanar algumas pendências documentais). Nesta terça-feira (14), mais 18 credenciais foram entregues na sede da Secretaria de Transportes, uma das quais pertence a Adelson do Nascimento.
“Desde 2008 trabalho como mototaxista e agora estou satisfeito. Vou poder ficar tranquilo sabendo que tem mais segurança com a identificação de cada colega regularizado e a prioridade para quem mora dentro do município. Não vai ter mais bagunça”, declarou.

A escolha do colete a ser utilizado pela categoria foi feita pelos próprios condutores por meio de votação. Para fazer o cadastro e para ter outras informações, é preciso comparecer à sede da Secretaria Municipal de Segurança, Transporte e Trânsito (Avenida Olímpia Silva, 46, Centro – Queimados; 2665-6101 / 2779-9813), entre segunda e sexta-feira, das 9h às 17h.


Um comentário:

  1. Sou Habilitado, minha moto está em dia, carrego quem eu quiser

    ResponderExcluir

deixe aqui seu comentário sobre esta notícia.