quinta-feira, 11 de julho de 2013

Vara Única do Trabalho de Queimados será inaugurada nesta sexta-feira

Unidade do TRT vai dar mais agilidade às movimentações 
processuais trabalhistas na região

Procurador-geral de Queimados, Carlos Lima  
O município de Queimados vai ganhar sua primeira Vara do Trabalho (VT). A inauguração do novo prédio do Tribunal Regional do Trabalho (TRT) da 1ª Região será nesta sexta-feira, dia 12 de julho, às 11h, na Rua Elói Teixeira, n° 50 – Centro (ao lado do supermercado Extra). A unidade irá ocupar dois pavimentos de um imóvel de 480 m², cedido pela Prefeitura de Queimados em julho de 2012, com assinatura do termo de cessão de imóvel. A Vara Única de Trabalho de Queimados terá ainda jurisdição sob Japeri e Paracambi. Com a instalação da unidade será possível reduzir aproximadamente 200 processos que tramitam em cada VT de Nova Iguaçu por ano.

A medida é fruto da sanção da Lei Nº 12.656/2012, que criou duas novas VTs para Nova Iguaçu, onde inicialmente Queimados estava sob jurisdição. A Diretoria-Geral do TRT 1ª Região, através de análises das demandas à Justiça do Trabalho, facilidade de acesso ao local, aspectos demográficos e sociais, além da necessidade de agilizar a movimentação processual, o Tribunal Pleno da Regional aprovou, em 14 de junho de 2012, a descentralização da jurisdição na região.

Para o procurador-geral de Queimados, Carlos Eduardo Afonso de Lima, um dos benefícios da chegada da VT será um maior acesso do trabalhador à Justiça para recorrer aos seus direitos sem ter que sair da própria cidade. “A instalação da Vara do Trabalho vai permitir que o trabalhador tenha um acesso mais ágil à Justiça do Trabalho. O maior benefício é que os trabalhadores de Queimados não vão precisar se deslocar até Nova Iguaçu para dar entrada e acompanhar seus processos trabalhistas”, comentou o procurador Carlos Lima.

A solenidade de inauguração vai contar com a presença do prefeito de Queimados, Max Rodrigues Lemos, do presidente do Tribunal Regional do Trabalho da 1ª Região, desembargador Carlos Alberto Araújo Drummond, da vice-presidente do TRT 1ª Região, desembargadora Maria das Graças Cabral Viegas Paranhos, da corregedora do TRT 1ª Região, a desembargadora Ana Maria Soares de Moraes, do procurador-geral do município, Carlos Eduardo Afonso de Lima, entre outras autoridades do poder judiciário.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

deixe aqui seu comentário sobre esta notícia.

Postar um comentário